Homenagem a José Antonio Labordeta

José António La Bordeta

José António Labordeta

Como este post quero prestar homenagem ao grande senhor que inspirou o meu nome de utilizador para este blog Labordeta Português. O senhor Labordeta , homem simples e sem rodeios nas palavras, sempre transmitiu com paixão os seu ideais e o amor pela sua terra. Foi inspirado nele que criei este blog, com intenção de partilhar os amores que tenho por esta terra este grande país que é Espanha.

Infelizmente este grande personagem faleceu esta segunda-feira, com grande pena minha porque lhe tinha um certo carinho. Principalmente por um dos meus programas de viagens favoritos de há já muitos anos onde ele apresentava e mostrava ao país todos os pequenos cantinhos de Espanha, procura mostrar as mais pequenas aldeias, a sua essência e os pequenos segredos. Transmitia isto com tanta paixão que até dá vontade de visitar estas pequenas aldeias.

Aqui deixo um dos vídeos como recordação do excelente programa, “Um pais na mochila”.

Anúncios

Como cortar um presunto Pata Negra (Jamón Ibérico)

[tweetmeme source= “guiadeespanha” only_single=false]

Um dos bons costumes de Espanha e talvez o melhor costume é o de comer um bom pata negra, conhecido em Espanha por Jamón Ibérico.

Para começar não se deve confundir o Jamón Ibérico com o Jamón Serrano. O Jamón Serrano é pata branca, e o Jamón Ibérico é o Pata Negra. Para quem não sabe basta olhar para as unhas da perna do porco, como o nome indica o Pata Negra tem de ter as unhas pretas.

Se compras uma perna de presunto sem o pé, de certeza que é um pata branca.

Por isso se queres um presunto Pata Negra, não compres o presunto sem o pé.

Presunto Pata Negra (Jamón Ibérico)

Presunto Pata Negra (Jamón Ibérico)

Dentro do Pata Negra existem muitas qualidades de presunto, como não sou especialista só vou dar um ponto de vista do consumidor.

A paletilla é a pata da frente que normalmente é mais magra e tem menos carne, pode custar a partir de 38 Euros e tem cerca de 3/4 Kg. Uma pata deste preço é ideal para quem gosta de comer presuntinho bom todos os dias… chega a sair mais barato que comprar fiambre. Depois para ocasiões especiais como o Natal,  não pode faltar um bom presunto e essa mesma paletilla já pode custar 200€, mas como é uma vez por ano vale a pena saborear tal manjar.

Por isso se vens a Espanha e queres levar um bom presunto para Portugal, entra num supermercado Mercadona e compra ai, porque além de levares uma boa qualidade preço, também podes prova-lo antes de levar.

Para finalizar deixo um video explicativo de como se deve cortar o presunto Pata Negra, Jamón Ibérico Espanhol

Bom apetite.

Guia de Espanha em Português: Um pouco de geografia

Há quem diga que já foi a Espanha, ou que conhece Espanha e os espanhóis e isto é o mesmo que ouvir um espanhol dizer que conhece Portugal porque esteve 3 dias em Lisboa. Este tipo de afirmações são pouco lógicas já que cada zona do nosso país tem os seus hábitos, tradições culturais e costumes.  Quem diz isto realmente não sabe o que está a dizer.

Eu já viajei muito por Espanha e mesmo assim acho que tinha de viajar 10 vezes mais por todas as zonas de Espanha e pelas suas ilhas para ter uma percepção real do nosso país irmão.

Por isso hoje é dia de explicar neste humilde guia um  pouco sobre a geografia de Espanha.

A Espanha está dividida administrativamente por 17 comunidades autónomas e 2 cidades autónomas.

No mapa abaixo é possível visualizar todas as comunidades e as duas cidades autónomas Ceuta e Melilha.

Mapa das Comunidades Autónomas de Espanha

Comunidades Autónomas

A autonomia destas comunidades pode ser comparada com a autonomia das nossas ilhas portuguesas Madeira e Açores, mas em Espanha é muito mais complexo.

Compreender a complexidade geográfica e administrativa de Espanha

Por exemplo no caso da Policia:

Portugal tem  a PSP (Policia de Segurança Pública) que seria comparável à Policia Nacional em Espanha, e a GNR (Guarda Nacional Republicana) equivalente à Guardia Civil Espanhola.

A Espanha aparte da Policia Nacional e da Guardia Civil, tem ainda Policia Autonómica e Policia Local com tantos “poderes” como a PSP Portuguesa reduzidos à sua área geográfica. Temos como exemplo de policias autonómicas a Ertzaintza do País Vasco, ou os Moços Di Squadra da Catalunha.  Estas Policias regem-se pela Constituição espanhola e cada Comunidade tem os seu próprios estatutos. Para quem não sabe a Policia Nacional não nos pode multar por esta mal estacionado :).

Para que se entenda bem Espanha como o país que é tinha também de falar da sua história, dos reinos que existiam e como se uniram todos em apenas um País e a importância que tem a Constituição Espanhola.

Resumindo

Ou seja que mesmo dentro de Espanha, estamos a falar de regiões como Andaluzia que é tão grande como Portugal e tem uma diversidade cultural a todos os níveis.  Mesmo grandes capitais da mesma Comunidade Andaluzia, como Sevilha e Cádis têm uma cultura e mentalidade bastante diferentes. Comparável com o nosso Porto e Lisboa, que mesmo fazendo parte de Portugal são cidades e zonas muito diferentes,  pela sua culinária, cultura e costumes.

Aos poucos irei relatando um pouco de cada comunidade que tive o prazer de conhecer e apreciar, tanto da sua cultura como da sua gastronomia.

Até para a semana!

Aceito comentários com opiniões vossas, perguntas e sugestões sobre temas que preferem que vá falando.

La Bordeta Português (Um português vivendo em Espanha)